O Início da Guerra do Fogo Negro – Rokugan Além do Livro Básico

A História de Rokugan além do livro básico

A história do RPG a Lenda dos Cinco Anéis (L5A) está sempre em constante expansão e muito já aconteceu além do que é mostrado no livro básico. Esse post faz parte de uma série onde tenho contado os principais acontecimentos do Império Esmeralda a partir de onde o livro básico, publicado no Brasil pela editora New Order, parou. Para saber um pouco mais sobre o porque da sempre expansão da história de L5A, veja o post inicial.

Uma cena da Guerra do Fogo Negro

Uma cena da Guerra do Fogo Negro

Entre os meses do Rato e do Boi (décimo e décimo primeiro mês de Rokugan), o clã do Castor descobriu a presença de um exército de tamanho impressionante se aproximando das bordas norte do Império. Eram yobanjins, bárbaros tribais que viviam ao norte, além das bordas do Império Esmeralda e que por vezes já haviam entrado em combate com os rokugani.

No entanto, o número que marchava até a Grande Muralha do Norte era maior do que nunca antes visto. O batedor mais rápido foi enviado para avisar a Imperatriz do perigo que o Império corria, no entanto estava ocorrendo a Corte de Inverno, e Iweko I estaria um tanto quanto inacessível. Paralelo a isso, as forças imperiais e o shogun Moto Jin-sahn se ocupavam combatendo a Aranha na floresta de Shinomem Mori. Devido a esses acontecimentos, o Império não conseguiu responder rapidamente à ameaça.

Esses foram os primeiros vislumbres do Exército de Fogo e o prenúncio do conflito que viria. O que veio a ser chamado de A Guerra do Fogo Negro, começou no Mês do Tigre, o último mês rokugani.

A guerra teve início com a queda das Torres de Fogo Nortenhas. A série de sete torres que compunham a Grande Muralha do Norte foram tomadas e destruídas. As forças do Shogun não puderam se redirecionar com rapidez, antes que se pudesse fazer qualquer coisa, o inimigo já havia invadido o império. Quando Hida Tonoji e a Quarta Legião Imperial foram averiguar o local, para investigar as notícias desesperadas de um ataque às terras do Dragão, já encontraram tudo destruído na muralha que separava o Império Esmeralda das tribos dos Yobanjin.

Um yobanjin. Em aparência, não eram quase nada diferentes dos rokugani.

Um yobanjin. Em aparência, não eram quase nada diferentes dos rokugani.

Não era segredo nenhum quem estava por trás do ataque. Já havia tempo que Chosai, o Oráculo do Fogo Negro causava problemas ao Império. Desde anos antes, quando havia se escondido na região montanhosa além de Rokugan, passou a ser adorado por algumas tribos de yobanjins como se fosse um deus do fogo, e usou esses novos servos para auxiliar em sua vingança. Era uma prática recorrente de Chosai usar sua magia para colocar fogo em seus soldados yobanjins e então lançá-los em ataques suicidas. Tática que foi compreendida pelo Clã do Dragão e que já era evitada por ser samurais.

No entanto, junto com a utilização de um exército de proporções inimagináveis, Chosai alterou os seus métodos. Seus soldados não se lançavam mais como tochas humanas para queimar os inimigos do Oráculo do Fogo Negro. Na guerra que ameaçou transformar Rokugan em um Mar de Chamas, os Yobanjin lutavam como soldados comuns, como uma gigantesca horda pilhando os lugares onde passavam e arrasando as terras que tomavam. No entanto, eles eram auxiliados pela magia do Oráculo do Fogo Negro. Muitos tinham suas capacidades aprimoradas pela poderosa magia de Chosai, tornando-os guerreiros temíveis. No entanto, o pior ocorria até mesmo com os mais comuns dos soldados. Apesar de não estarem em chamas, o fogo vivia neles, e quando começavam a morrer, eram consumidos pelo fogo para então explodir em chamas mágicas. Muitos samurai morreram devido a essa estratégia.

Shosuro Jimen, o Campeão Esmeralda e um dos generais rokugani na guerra

Shosuro Jimen, o Campeão Esmeralda e um dos generais rokugani na guerra

Com a destruições da Torres de Fogo, adentrou o império e as terras do Dragão principal alvo da vingança de Chosai, mas a posição do inimigo não ficou secreta por muito tempo. Tendo o auxílio de seu grande contingente, o Exército de Fogo se espalhou como praga pelas terras do Dragão e de outros clãs. Uma de suas principais táticas foi a de espalhar os seus batedores de forma a não se saber quais eram seus reais planos.

Mas os objetivos do exército de Chosai ainda seriam revelados antes do fim da guerra, em 1171

=================================================================================================

Aos que chegaram até aqui peço encarecidamente que curtam a nossa página no facebook. Estamos começando agora o blog e precisamos de bastante ajuda de vocês para continuar com o trabalho =) Basta um click ali no botão do lado direito do blog ou no link e curtir =)

Contos de L5A traduzidos

Site da New Order (editora que traduz L5A no Brasil)

Site oficial de L5A (em inglês)

Timeline do século XII de Rokugan (em inglês)

Por Renan Barcellos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s